5 aplicativos de gestão de projetos que todo profissional deve usar

Se você quer ser um gestor de projetos eficiente, precisa unir sua visão estratégica às melhores tecnologias da área. E sabia que, atualmente, há muitos aplicativos de gestão de projetos disponíveis para ajudar as equipes no dia a dia, aumentando a produtividade e facilitando o trabalho? Como esses apps podem ser extremamente valiosos para as mais diversas tarefas, definitivamente vale a pena incorporar alguns à sua rotina.

Mas atenção: mais que simplesmente usar o aplicativo da moda ou aquele com a melhor interface, você precisa conhecer os usos e os resultados que pode obter com cada um deles. Preparamos o post de hoje justamente para ajudá-lo a escolher os aplicativos de gestão de projetos ideais para o seu caso. Continue lendo para conferir!

1. Evernote

Atualmente, o Evernote é praticamente uma unanimidade. A proposta desse aplicativo é fazer com que o usuário se lembre de absolutamente tudo que precisa. Seu uso não é tão intuitivo, mas, depois que você pega o jeito, fica até difícil viver sem ele.

Principais vantagens

  • Organiza todos os tipos de anotações, ideias, imagens, referências e afins;
  • Permite sincronizar informações entre diferentes dispositivos;
  • Serve como ligação entre diversos outros aplicativos de gestão de projetos — isso, por um lado, torna o uso da ferramenta mais complicado, mas, por outro, contribui para oferecer uma experiência mais completa.

Preço

Você dificilmente sentirá a necessidade de assinar a modalidade paga do Evernote, já que a versão gratuita é excelente. Ainda assim, a assinatura pode ser útil para equipes e empresas maiores. Nesse caso, já adiantamos que os pacotes variam de valor, ficando entre 40 e 80 reais por mês. O diferencial mais importante das versões pagas é permitir o acesso aos arquivos quando não há conexão com a internet.

2. Basecamp

É fato: cada aplicativo organiza as tarefas e informações de um modo diferente. O Basecamp, por exemplo, opta por classificar as tarefas de acordo com sua ordem cronológica e o respectivo responsável pelas funções.

Principais vantagens

  • Permite fazer o upload de arquivos em diversos formatos — como PDF, PPT e XML;
  • Possibilita a inclusão de comentários em qualquer ação para que as pessoas envolvidas no projeto vejam;
  • É muito funcional para desenvolver projetos em parceria com clientes.

Preço

O uso da versão gratuita é recomendado apenas para testes, porque provavelmente não cobrirá todas as suas necessidades. O problema é que os planos pagos variam bastante de preço, podendo ser bem salgados para alguns orçamentos: eles custam entre 23 dólares por mês e 3 mil dólares anuais. Se gostar da experiência inicial gratuita, analise suas necessidades e averigue qual plano cabe melhor no seu projeto e no seu bolso.

3. Trello

O Trello é um aplicativo extremamente flexível e fácil de usar, podendo ser aproveitado tanto para lidar com projetos estratégicos como para agilizar as tarefas do dia a dia. Tornou-se muito popular no mundo todo, principalmente em meio às empresas que adotam metodologias de desenvolvimento ágil de projetos — como o Scrum.

Principais vantagens

  • Funciona muito bem para trabalhos em equipe, pois é fácil convidar outros usuários, compartilhar comentários e determinar responsabilidades;
  • É uma ferramenta muito simples, mas, ao mesmo tempo, completíssima, oferecendo muitas funções que podem ser usadas de forma ilimitada;
  • Permite subir arquivos de até 10mb e oferece integração com Dropbox, OneDrive e Google Drive.

Preço

É bem provável que você fique satisfeito com a versão gratuita dessa ferramenta. Ainda assim, o Trello oferece algumas versões pagas que podem ser bastante úteis, especialmente para equipes e empresas. A modalidade Business Class custa menos de 10 dólares ao mês quando você fecha o plano anual e traz uma série de vantagens extras, como interações com outros aplicativos. Já a versão Enterprise é indicada para grandes empresas. Nesse caso, você precisa agendar uma apresentação personalizada para conferir os valores.

4. Todoist

Considerado por muitos como um concorrente direto do Trello, o Todoist oferece diversas possibilidades de customização, facilitando a adaptação para as mais diferentes equipes. A interface também é extremamente amigável e intuitiva, com sua organização se dividindo em projetos e tarefas.

Principais vantagens

  • Permite incluir documentos e comentários, além de programar avisos sobre os prazos das tarefas de acordo com suas preferências;
  • Adapta-se com facilidade ao GTD, uma das metodologias de produtividade mais usadas no mundo todo;
  • Inclui a gamificação ao monitorar seu karma, um índice de produtividade e evolução que avança à medida em que você ganha pontos.

Preço

A versão gratuita do aplicativo costuma ser suficiente para boa parte dos usuários. No entanto, se você se importa com etiquetas e com uma organização mais profunda, pode considerar a versão paga, que é bastante acessível: 29 dólares ao ano. Vale a pena para quem já testou, gostou e usa o aplicativo com frequência.

5. Google Keep

É um aplicativo rápido, prático e bastante visual, além de extremamente intuitivo. Com ele, enxergar os projetos em que você está trabalhando é muito fácil. Isso sem contar que o Google Keep também é personalizável!

Principais vantagens

  • É um dos aplicativos mais fáceis e intuitivos do mercado, podendo ser usado por qualquer pessoa;
  • Permite adicionar todo tipo de projeto (desde uma simples lista de supermercado até iniciativas mais complexas, com uma grande quantidade de tarefas), sendo todos compartilhados entre os membros da equipe;
  • Possibilita fazer o upload de imagens e documentos e pode ser facilmente integrado a qualquer aplicativo do Google — para quem já é fã da marca e usa diversos serviços, esse ponto pode ser decisivo.

Preço

O melhor é que o Google Keep é totalmente gratuito! Por isso, é um ótimo primeiro passo para quem ainda não usa nenhum aplicativo de gestão de projetos e quer começar a se aventurar pelo mundo da tecnologia aplicada.

Gerenciar projetos exige mais organização do que as pessoas pensam, não é mesmo? São muitas ideias, anotações, prazos e tarefas — além de imprevistos, claro. Aí é que a tecnologia entra, como uma grande aliada, fazendo parte das novas tendências. É simples: com a ajuda dos aplicativos para gestão de projetos, os gestores podem colocar mais iniciativas em prática sem perder de vista os resultados e a eficiência.

E então, já está correndo para baixar nossas sugestões? Se este post foi útil para você, que tal compartilhá-lo em suas redes sociais para ajudar também outras pessoas?

 

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"