Como a pós-graduação ajuda quem quer abrir o próprio negócio?

Há alguns anos, nem sequer passava pela cabeça de coordenadores, professores ou mesmo alunos incluir o empreendedorismo na pauta curricular das instituições de ensino. Hoje, por outro lado, muitas escolas já têm preparado os estudantes para esse universo, fazendo com que desenvolvam uma mente empreendedora e enxerguem a abertura do próprio negócio como uma oportunidade profissional.

Você por acaso sonha em empreender? Então vai encontrar uma excelente aliada na pós-graduação, que tem como um dos seus objetivos a preparação do profissional para o futuro. Na prática, isso significa dar ao estudante, que muitas vezes já atua no mercado de trabalho, os recursos e as competências que o farão crescer profissionalmente.

E o detalhe é que, especialmente em momentos de recessão econômica e consequente aumento da taxa de desemprego, esse crescimento profissional também significa empreender. Sabia que, de acordo com uma pesquisa divulgada pelo SEBRAE, em parceria com a Global Entrepreneurship Monitor (GEM), a taxa de empreendedorismo no Brasil quase dobrou nos últimos 14 anos?

Que tal conhecer agora mesmo as principais vantagens de usar o conhecimento da pós-graduação para criar um negócio de sucesso? Continue acompanhando o post de hoje para entender em que a união do conhecimento acadêmico com o empreendedorismo pode resultar!

Desenvolvimento de competências para gerir melhor o próprio negócio

Diferentemente da graduação, que é mais generalista, o conhecimento adquirido em uma especialização é bem focado. Mas seu interesse primário não é necessariamente abrir o próprio negócio? Sem problema! É mais que possível usar esse aprendizado para explorar outras oportunidades do mercado.

Na verdade, nem é preciso cursar uma pós-graduação diretamente ligada ao empreendedorismo. Áreas como administração, gestão, tecnologia e comunicação, por exemplo, abordam os mais variados temas, trazendo competências fundamentais para empreender. Entram aí aspectos como:

  • planejamento;
  • comunicação;
  • gestão de capital humano;
  • liderança;
  • administração financeira;
  • economia e sociedade;
  • gestão de projetos;
  • inovação.

Assim, o profissional adquire novas competências e transforma-se em um gestor completo, capaz de gerenciar atividades do dia a dia com tranquilidade, comunicar-se eficientemente com a equipe, liderar pessoas, fazer planejamentos eficientes, conquistar resultados e, graças a tudo isso, eventualmente expandir o negócio.

Visão mais madura em relação às oportunidades

Não restam dúvidas, hoje em dia, que abrir o próprio negócio e virar chefe de si mesmo exige trabalho duro e muita maturidade. Empreender é enxergar possibilidades onde ninguém mais as vê. Ao mesmo tempo, é preciso lembrar dos riscos envolvidos — de perder dinheiro, de cometer erros irreversíveis e, principalmente, de prejudicar outras pessoas. É essencial, portanto, ter certeza do que realmente é uma boa oportunidade.

Nesse sentido, uma pós-graduação é mais que relevante, pois dá aos profissionais a capacidade de analisar criticamente o mundo a seu redor a fim de compreender o que efetivamente pode ser aplicado a um negócio e aquilo que simplesmente não faz sentido.

Construção de uma base para lidar com problemas

Para que você não se frustre lá na frente, já vamos adiantar: o empreendedorismo costuma vir acompanhado de uma série de respostas negativas e problemas. Até mesmo grandes nomes como Steve Jobs e Walt Disney tiveram que lidar com brigas com sócios, fracassos de vendas e até falência.

Então saiba: por mais inteligente que você seja, não está totalmente pronto para encarar os desafios reais do mercado sem a devida capacitação. De acordo com o IBGE, seis de cada dez empresas fecham as portas antes de completar 5 anos. Então não faça parte dessa estatística!

Cursar uma pós-graduação é uma oportunidade única de se aperfeiçoar, realmente entender a realidade da sua área de atuação e adquirir os conhecimentos necessários para resolver problemas mais facilmente ou gerenciar eventuais crises da melhor forma possível.

Desenvolvimento de habilidades comportamentais

Na prática, mesmo que não estejam diretamente relacionadas à abertura de um negócio, alguns cursos de pós-graduação costumam trazer também a oportunidade de desenvolver competências comportamentais, com disciplinas relacionadas à ética, desenvolvimento de equipes, de carreira e competência emocional.

Além disso, com a convivência em sala de aula, os relacionamentos interpessoais, o poder de argumentação e negociação, a tomada de decisões e o equilíbrio emocional dos profissionais são trabalhados rumo ao aperfeiçoamento.

Essas habilidades são essenciais para garantir a sobrevivência de um negócio, inspirar e engajar colaboradores, bem como estabelecer parcerias, ter ideias inovadoras e suportar as tensões e ameaças do dia a dia.

Aumento exponencial do networking

Em uma pós-graduação, a sala de aula também é um espaço valioso para o networking, que torna-se ainda mais forte por ser formado por profissionais de diferentes áreas, que sabem da importância de fazer parcerias para crescer. Há ainda a possibilidade de conviver com professores que já atuam no mercado e até mesmo outros empreendedores que, com sua experiência, podem ajudá-lo a tirar seu negócio do papel.

Possibilidade de testar sua ideia de negócio

Tendo percebido a expansão do empreendedorismo, muitas instituições de ensino já oferecem espaços de coworking, eventos e capacitações complementares à pós-graduação clássica. O intuito é estreitar laços entre estudantes e aproximar possíveis parceiros de negócios.

Já pensou que o próprio Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é uma excelente oportunidade de testar uma ideia de empreendimento, já concluindo a pós-graduação com sua empresa pronta? Nessa fase, você pode montar seu plano de negócio e criar um protótipo do produto para conhecer seus potenciais consumidores e testar sua viabilidade. Além do mais, você terá a orientação de um professor com experiência na área, que enriquecerá o processo por meio de críticas, sugestões de mudança e uma visão diferente sobre a sua ideia.

Uso de conhecimento técnico para diminuir erros

Uma pós-graduação também é capaz de dar aos estudantes uma boa base técnica para diminuir a incidência de erros comuns no processo de abertura de um negócio — como não saber delegar tarefas, não pesquisar as principais tendências da área, criar projetos inviáveis, não estar aberto a mudanças, deixar de fazer análises de viabilidade financeira, de investimentos e de capital humano.

As formações voltadas diretamente para a gestão de negócios também trazem conhecimentos adicionais, com dicas para elaborar um plano de negócio, realizar pesquisas de mercado, oferecer um bom atendimento aos clientes e criar estratégias bem-sucedidas de marketing.

Por fim, se gostou do nosso post e deseja aprender mais sobre empreendedorismo, recebendo outras dicas para abrir seu próprio negócio, assine agora mesmo a nossa newsletter!

 

2 Comentários

  1. Marcelo Miranda Moreirasays:

    Tenho interesse neste curso.

    • Isadora Gontijosays:

      Olá Marcelo,

      Para obter mais informações sobre a Pós-Graduação da FDC acesse especializacao.fdc.org.br ou, se preferir, entre em contato com nosso Centro de Relacionamento com o Cliente no telefone 0800 941 9200 e e-mail atendimento@fdc.org.br.

      Desde já agradecemos sua atenção.

      Isadora Gontijo – Fundação Dom Cabral

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"