Medo de ser demitido? Saiba como a especialização pode ajudar!

Em períodos de recessão econômica, uma medida muito usada para reduzir custos nas empresas causa arrepio nos profissionais: enxugar o quadro de funcionários. Por isso é que, neste momento instável que o Brasil atravessa, o medo de ser demitido impera. Mas pense bem: o medo definitivamente não o ajudará a manter seu emprego. Quer saber o que realmente pode ajudar a afastar a demissão? Uma boa especialização! Com esse curso, você aumenta seu valor para a empresa. E funcionários de valor não são facilmente desligados.

Neste post, vamos explicar com mais detalhes a relação entre especialização e estabilidade no mercado de trabalho. Confira!

O profissional com especialização é diferenciado

Hoje em dia, só a graduação já não é mais um diferencial. Afinal, com a maior acessibilidade ao ensino superior, mais pessoas podem ter um diploma de graduação. Enquanto isso, ainda são poucos os que prosseguem nos estudos e obtêm um diploma de especialização. Esse esforço a mais, portanto, é o que pode separá-lo do restante dos profissionais. E, de fato, na hora de fazer desligamentos, as empresas tendem a começar pelos colaboradores menos especializados, pois são mais fáceis de substituir.

O profissional com especialização necessita de menos treinamento

O profissional que já tem especialização não costuma precisar de muito treinamento, pois já aprendeu, no curso, ao menos as bases do seu trabalho. E, mesmo que não saiba tudo, tem uma boa noção geral, podendo seguir a partir daí com muito mais autonomia. Enquanto isso, o profissional com menos formação precisa da ajuda da empresa para complementar seus conhecimentos. O detalhe é que essa ajuda representa um custo adicional de tempo e dinheiro, recursos que, especialmente em um cenário de crise, nenhuma empresa pode despender facilmente.

O profissional com especialização tem papel estratégico

Quem investe em uma especialização consegue desempenhar tarefas que exigem mais visão e conhecimento. Por isso, aumentam suas chances de ocupar um cargo estratégico e não meramente operacional. Em vez de só executar, portanto, ele também tende a participar de planejamentos, análises e resoluções de problemas. Vale lembrar que o título de especialista é dado a quem possui conhecimentos mais aprofundados em uma determinada área, fazendo com que o know-how desse profissional seja muito importante para a empresa ao representar uma possibilidade real de tomar melhores decisões e, assim, obter resultados superiores.

O profissional com especialização tem potencial futuro

Ao contrário do que muitos podem pensar, o desligamento de funcionários é caro, assim como o processo para a contratação de novos membros para uma equipe. Por esse motivo, manter um funcionário também é uma maneira efetiva de controlar custos. Mas isso só funciona quando o profissional em questão realmente tem potencial para permanecer na empresa a longo prazo. Quem fez (ou está fazendo) uma especialização tem esse potencial aumentado. Isso demonstra seu interesse em construir uma carreira e ascender profissionalmente.

O profissional com especialização tem um perfil desejável

Fazer uma especialização exige iniciativa, dedicação, força de vontade, desejo de aprender e crescer, além de disposição para investir em si mesmo. Todos esses são traços de personalidade que uma empresa valoriza em seus colaboradores. Por isso, mesmo que você ainda esteja começando o curso, já se destacará frente aos demais funcionários. Afinal, tomou uma atitude que sinaliza para o perfil de um profissional de sucesso. E profissionais de sucesso constroem empresas de sucesso!

O profissional com especialização possui networking

O networking é fonte de negócios para as empresas, considerando-se que do contato entre profissionais podem surgir parcerias ou relações entre fornecedores e clientes. Ao fazer uma especialização, você conhecerá vários profissionais de outras empresas, colegas que podem, futuramente, fazer negócios com a organização em que você trabalha. Aliás, você mesmo pode criar as oportunidades para isso! Assim, um profissional que faz (ou fez) especialização tem um grande valor agregado. Se for demitido, levará consigo todo o networking desenvolvido ao longo do curso. E acredite: a empresa não quer perder todo esse potencial.

O profissional com especialização é bom para a concorrência

Um funcionário com especialização pode custar mais caro para a empresa. Mesmo assim, ele não precisa ter medo de ser demitido! O motivo é simples: seu empregador sabe que, se outra empresa contratá-lo, você deixará de ser uma vantagem para se tornar uma ameaça. O principal ativo de uma empresa são seus colaboradores. Assim, quanto melhor é a equipe, maior é o valor do negócio. Por isso, nenhum gestor quer demitir um funcionário bem preparado. Fazendo isso, reduz o valor da própria empresa, ao mesmo tempo que coloca seu ativo mais importante à disposição da concorrência. É um duplo tiro no pé!

O profissional com especialização é mais produtivo

Funcionários representam um custo maior para a empresa quando sua produtividade não é compatível com o salário que ganham. Funcionários altamente produtivos, por outro lado, são uma verdadeira fonte de lucro, porque geram mais valor. E é claro que, por isso, não são facilmente demitidos. Como quem faz uma especialização tende a ser mais produtivo, o que ainda está esperando? Isso se deve a um motivo simples: motivação. O profissional tem a oportunidade de estudar algo de que gosta e efetivamente aplicar esse conhecimento, verificando, dia a dia, seu próprio crescimento profissional.

O profissional com especialização permanece atualizado

É natural que, com o passar do tempo, seus conhecimentos fiquem defasados. Afinal, o dinamismo está presente em todas as áreas. Sempre surgem novas teorias, conceitos, ferramentas e estratégias. Assim, um profissional que termina a graduação e para de estudar, logo fica ultrapassado. Já quem faz uma especialização permanece atualizado com os conhecimentos do mundo dos negócios. Em outras palavras: é um funcionário que ajuda a manter a empresa alinhada com as melhores práticas do momento.

Como você pode perceber, existem várias razões pelas quais um profissional com especialização é valioso para a empresa e, por isso, tem menores chances de ser demitido por uma necessidade de corte de custos. Mais tranquilo agora? Pronto para se matricular?

Quer saber mais sobre cursos de especialização? Então entre em contato conosco e conheça nossos programas!

 

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"